Uma pausa para renovar as energias



Tem aqueles dias em que não temos nem vontade de sair da cama. Já acordamos cansados, sem disposição, com a maior preguiça. Nem sempre podemos deixar de lado os compromissos. Por isso, o melhor é ter ânimo suficiente para encarar o dia-a-dia. Podemos recarregar as baterias de várias formas, com terapias alternativas e exercícios. Antes de escolher a melhor terapia, alguns lembretes: procure um lugar calmo para renovar as energias. Antes de começar, relaxe e deixe as tensões de lado. Use roupas confortáveis e fique descalço. O ideal é fazer a prática sempre no início ou no final do dia.
A cromoterapia é conhecida há muitos séculos pelos hindus. Apesar de só ter se tornado mais divulgada no ocidente, há uns 50 anos. Os terapeutas usam sete cores – que correspondem aos sete chacras do corpo – para harmonizar as pessoas. Nos dias em que estiver se sentindo de baixo-astral, use roupas vermelhas, principalmente as meias. E aproveite para comer frutas e legumes vermelhos, como morango, beterraba e tomate.
A aromaterapia tornou-se popular na Europa nos últimos anos. É uma técnica que aproveita as propriedades das essências de ervas e flores para prevenir doenças e melhorar o bem-estar. Esses aromas podem ser usados em massagens ou inalados. Para aumentar a energia, são recomendadas as essências de bergamota (reanima) e lavanda (levanta o astral), que podem ser adquiridas em farmácias de manipulação. Misture seis gotas da essência de bergamota com duas gotas de lavanda, 300 ml de água e uma colher (chá) de álcool. Coloque num borrifador de plantas e espalhe pelo ambiente sempre que se sentir desanimado. Para dar resultado, você deve ficar no local borrifado por pelo menos 15 minutos.
O yoga também é uma prática muito antiga. Surgiu há mais de cinco mil anos no Oriente. Para melhorar a concentração e o equilíbrio interno são recomendados os exercícios respiratórios e de relaxamento. Ajudam o corpo, mente e espírito a trabalhar em harmonia, o que garante maior disposição. Esse exercício de yoga deve ser feito pela manhã e à noite, por cerca de 10 minutos. Sente-se no chão numa posição confortável, com a coluna reta. Feche os olhos. Respire fundo, inspirando e expirando pelas narinas, sem usar a boca. Mentalizar coisas positivas em cada inspiração e expulsar do corpo as angústias e tristezas durante a expiração. O tai chi chuan também é uma prática milenar oriental, surgida na China. Os exercícios são feitos com movimentos suaves, revigorando corpo e mente ao mesmo tempo. Trabalham a concentração, flexibilidade e as articulações do corpo.
A hidroterapia foi desenvolvida no início do século passado pelo alemão Sebastian Kneipp. A água é usada para cura, em banhos e exercícios. Temos uma dica bem simples, mas que funciona. Numa bacia, larga (não muito funda), coloque uma quantidade de água suficiente para cobrir os tornozelos. Caminhar, sem sair do lugar, lentamente. Ao mesmo tempo, aproveitar para respirar da seguinte maneira: inspirar durante três segundos, segurar o ar nos pulmões por cinco segundos e soltar o ar durante sete segundos. Esse exercício serve para descarregar as tensões e renovar a energia. Fazer durante 15 minutos, pela manhã.
Os florais de Bach surgiram nos anos 1930, a partir de estudos realizados pelo médico inglês Edward Bach. Os florais servem para equilibrar as pessoas, sendo largamente usados para tratar problemas e bloqueios emocionais. Também são encontrados em farmácias de manipulação. O ideal é procurar um terapeuta que vai recomendar o floral para a sua falta de entusiasmo. Que pode estar relacionado a outras causas.

--------------
Observ.: A Aromaterapia e os Florais têm uma vasta lista de indicações. Consulte e conheça os tratamentos.

Postagens mais visitadas deste blog

União de duas terapias consegue reabilitar pacientes que sofreram derrame

O Templo das Emoções